.Diana

.Março 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
25
26
27
28
29
30
31

.pesquisar

 

.posts recentes

. Licenca Internacional de ...

. Cruzeiro Com a Host Famil...

. Voltei para ficar

. Sonho realizado #3

. Prendinha da Host Family

. Diferencas Culturais #2

. Nao vivo sem #2

. A minha nova casa

. Participacao no Blog S.O....

. Nao vivo sem #1

.arquivos

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Abril 2009

. Março 2009

.Visitantes

Visit http://www.ipligence.com

.Visitas ao Blog

Website Traffic Counters
Dell Coupon Codes
blogs SAPO

.subscrever feeds

Quinta-feira, 4 de Novembro de 2010

Entrevista a uma Au Pair Portuguesa

Existe muita informação acerca de tudo o que envolve o munda auperiano, essencialmente informação de outros países ( Brasil, Alemanha, Franca), mas portuguesa existe muito pouco.

 

Penso que se contarmos todas as meninas que foram e que neste momento são au pairs não devem chegar nem a 10. E um programa ainda muito pouco conhecido, mas que aos poucos vai tendo cada vez mais visibilidade. Um dos objectivos do meu blog e dar a conhecer a realidade do ponto de vista de uma portuguesa, para que outras portuguesas ( e não só) se inspirem e saibam que não estão sozinhas nesta aventura.

 

Quando comecei a pensar em ser au pair foi muito difícil para mim encontrar informação. Encontrei apenas 3 blogs que não altura ja se encontravam encerrados de três meninas que tinhas sido au pairs. E cheguei a pensar o quanto fiável seria o programa para que tão pouca gente aderisse.

 

Através do blog, a Noemi entrou em contacto comigo e disse que tinha terminado o programa em Julho. A Multiway nunca me passou o contacto dela, nao sabia que havia um au pair em Oregon. Talvez ate nos podiamos ter encontrado porque eu ja estava ca quando ela terminou.

 

Como a Naomi se mostrou sempre bem disposta e pronta a ajudar perguntei lhe se estaria interessada em dar a conhecer a sua historia. Ela prontificou-se logo e foi de uma grande simpatia.

 

Decidi fazer um questionario por ser de mais facil compreensao.

 

Eis a historia de Noemi Santos que vive em Lisboa e decidiu em 2009 tornar-se au pair.

 

O que te levou a ser Au Pair? 

O desejo de viver e visitar os EUA, para além de melhorar o inglês.

 

Quanto tempo demorou o processo ate ficares online?
Não faço ideia, mas sei que entreguei a papelada toda em Janeiro e em Julho a família com qem fiquei entrou em contacto.

 

Quantas familias entraram em contacto?

Comigo só entrou uma, infelizmente! Fquei com receio que mais ninguem me chamasse e aceitei.

 

Namorado ficou em Portugal?

 Nada de namorados por cá:)

 

Experiencia com criancas?
Sim, tinha experiência com crianças:) Mas não com crianças com necessidades especiais como era o caso

 

Quais eram teus objectivos?

 Estudar inglês,viajar e ficar por lá se conseguisse uma maneira legal para isso.

 

Como era a relacao com a crianca?
 A relação com a criança podia ser complicada quando ele batia, puxava cabelos, arranhava e mordia. Mas de um modo geral era boa.

 

Como era a relacao com a Host Family?
A relação com a HF era normal, mas podia ser turbulenta, especialmente com a Host mom.

 

Como era a relacao com outras au pairs?

Dei-me bem com as outras au pairs de um modo geral, com muita pena minha as grandes amizades que deixei para trás nao foi com nenhuma au pair.

 

Trabalhavas mais de 45h por semana?
Trabalhava mais  que as 45h semanais muitas vezes. A Hos mom é que fazia o meu horário e nao cumpria as regras.

 

 

Quais os locais que visitaste?
Seattle, LA, San Francisco e NY no natal:)))))

 

Como lidaste com a saudade?
Havia alturas em que era difícil mais pelas pessoas que deixei para trás do que pelo país em si, mas como tentava estar ocupada e sair para m distrair passavam. Só os primeiros 3 meses foram mais difíceis pois nao conhecia muita gente, mas depois veio a escola e isso mudou.

 

Qual a tua maior loucura?
Fazer as minhas viagens sempre sozinha.

 

Sentias-te como fazendo parte da familia?
Não, um redondo não. Era só uma pessoa mais para ajudar, uma empregada. A Host mom fez questão de me dizer isso várias vezes.

 

Porque decidis-te nao extender o programa?
 Não fiz extensão porque não queria ficar mais um ano com aquela família.

 

Voltarias a ser Au Pair?
Sim

Aconselhas alguem ser Au Pair?
Sem dúvida nenhuma:)

 

Qual o conselho que das?
Sim. Só deixava um conselho: mudarem de família se não se sentissem bem, mesmo se sentissem a consciência pesada por deixar uma HF que já tinha gasto algum dinheiro com voces. Foi o meu erro.


Conseguis-te realizar todos os teus objectivos?

Quase tudo, faltou-me visitar muitos sítios:(

 

 

 

 

Aqui ficam algumas fotos do ano de au pair da Noemi:

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Diana às 01:07
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De ritovskyta a 4 de Novembro de 2010 às 09:42
Excelente ideia, Diana. De facto a maioria das experiências que eu encontrei de portuguesas au pair deu-me a entender que não era coisa p repetir. Acho que a forma de educar os filhotes é mt diferente da nossa. Eu tento ler sobre au pair europeias. Mas a verdade é que n há assim tantas. A maioria são mesmo do Brasil. E fico sempre mt surpreendida pela força e sinceridade delas. São muito mais - para a frente é k é o caminho e com muito mais optimismo que qq europeia - portuguesa ou não - que encontrei!!
De ritovskyta a 4 de Novembro de 2010 às 11:16
encontrei isto. é d uma mãe: http://multiplesandmore.blogspot.com/2010/02/my-au-pair-experience.html sinceramente eu n aguentava. Mas pelo menos foi relativamente sincera sobre o k keria. Acho k é mt importante. Nem todas davam p essa familia. Mts au pairs vão pela experiência, para estudar, viajar. E a familia keria todo que uma ama k ganha o triplo ou mais de uma au pair. julgo k este tb pode ser bastante útil: http://www.bestaupairguide.com/ e este: http://voices.washingtonpost.com/parenting/2009/06/au_pairs.html ( para mim, se eu fosse SER au pair, eu lia 1º as opiniões e experiências das familias e só depois blogs. Pk mts podem n representar bem a realidade. P futuras au pairs
De Ju Monteiro a 4 de Novembro de 2010 às 19:13
Que legal da sua parte fazer um post deste tipo Diana..Tenho certeza que sera muito util para futuras Au Pais :) Parabens! :)

Bjos
De JORGE JUNGLE a 4 de Novembro de 2010 às 19:17
AIIIIIIIIIII.......

Tudo legal por ai? adorei teu post.

Quando puder mando para ti um post tb.


Ti adoro pinpolho :)
De Rita a 4 de Novembro de 2010 às 23:45
Achei esta uma optima ideia! Se queres divulgar o mundo do AuPair acho que conseguiste!
Se quiseres uma opiniao de uma pessoa como eu interessada no programa, outras coisas que secalhar eu e outras gostariam de ver era talvez uma breve explicaçao sobre todo o processo.. o dinheiro gasto, por onde começaste, tudo o que entregaste em termos de papelada... Sei que no inicio do blog já tinhas falado sobre algumas dessas coisas mas compilar tudo talvez seja uma boa ideia;)

Beijinho*
De Sara a 2 de Abril de 2011 às 22:15
Oi Diana!! Meu nome é Sara e estou a trabalhar como au pair na alemanha. A minha experincia está a ser terrivel, estou sendo explorada e sinto-me muito só.

A mae das crianças é portuguesa e eu achei que nos iamos entender bem. Apesar de eu falar bel alemao, decidi aceitar o convide te vim.

As crinaças portam-se super mal. O rapaz de 4 anos bate-me e a mãe ri-se.

A casa é enorme, eu faço tudo, e nao recebo nem obrigado. Quando eles chegam a casa, fazem logo questao de sujar tudo novamente. Nao ha o minimo respeito. Alem de mais a mae grita muito comigo e diz que eu faço tudo mal, apesar de eu fazer as coisas da forma que ela me diz para fazer.

Ha dias apanhei-a a vasculhar no meu quarto e fiquei muito chateada.

As ultimas 3 au pairs fugiram daqui e eu estou perto de fazer o mesmo.

O que me aconselhas?

Beijo

Comentar post

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

.links